img-principal-post-alma-solar

Está aberta (quase oficialmente) a temporada de sol no nosso país. Ô época gostosa, de praia, sol, pool party e festivais. ☀️ É aproveitando a deixa do solzinho que vem esquentando e porque estamos na semana do maior festival de música do Brasil (e a gente sabe que você vai botar a cara no sol) que a gente decidiu falar sobre FPS. Isso mesmo, aquele numerozinho que vem escrito na embalagem do seu protetor solar e ninguém entende muito bem como funciona.

Se a gente te disser que o seu protetor ter FPS 90 não vai garantir que ele te protege mais dos raios UV, você acredita? Oi, como assim? #confusx ?

Sem dúvidas quanto maior o FPS, mais protegida a sua pele estará. Mas o FPS (Fator de Proteção Solar) determina o tempo o qual a pele pode ficar exposta ao sol sem causar “eritema”, que é a vermelhidão da pele devido à vasodilatação dos capilares cutâneos (o que indica que sua pele está prestes a sofrer uma queimadura solar). Ou seja, se a sua pele é exposta ao sol sem nenhum produtinho e ela leva 10 minutos para apresentar vermelhidão, sua pele com protetor FPS 15 vai levar 15 x 10 minutos para ficar vermelha, o total de 150 minutos. Protegida por mais tempo? Sim. Só que a gente sabe que não é somente de queimadura solar que devemos nos proteger!

Existem três tipos de irradiação solar: 

A UVC tem maior potencial para causar eritema, mas graças à camada de ozônio que envolve o planeta essa irradiação não chega até nós. (eu ouvi um amém? ??? Deus é top)
A UVB tem menor potencial de lesar a pele que a UVC, porém é a principal responsável pelas vermelhidão e queimadura no corpinho da população. 
A UVA tem baixo potencial para causar queimaduras, porém-todavia-entretanto é o tipo de irradiação que mais causa câncer de pele e envelhecimento cutâneo devido à capacidade de penetrar mais profundamente na pele. Aaaaah! Caos total!!! ??

Por isso, minha gente, não basta procurar protetor solar de olho no número do FPS apenas. Vamos catar benefício UVA nessas descrições, ok? 

Aqui vão algumas velhas (e boas) dicas de uso do protetor:

  • Não tem um mesmo protetor com benefícios UVA + UVB? Não tem problema, combine os protetores. Use os dois. O que não dá é pra ficar desprotegido. ?
  • Passe o seu protetor em um intervalo de, pelo menos, 20 minutos antes da exposição ao sol.
  • Não seja pão duro. Nada disso. Não mesmo. SE JOGA NO PROTETOR! Pode até tomar banho com ele e sair bem branquinhx por aí. ??

**Quer saber qual protetor escolher pro seu tipo de pele e necessidades? Falamos disso em outro post, bem aqui.**

Divirtam-se!! Exponham-se (com limites). Mas protejam-se sempre, sem exceções.

Grande beijo ?❤️

 

 

Sem Comentários
img-principal-post-protetor-solar-1

Já não é mais nenhuma novidade que filtro solar tem que usar o ano todo, né?? Não importa a estação, o protetor é seu fiel aliado na luta contra o envelhecimento da pele e na prevenção de manchas e sardinhas de sol. Usar protetor solar é uma regra!! Não só em termos de beleza, mas em saúde também <3

Além da proteção contra efeitos do sol, o protetor solar é o melhor creme rejuvenescedor que existe! O fotoenvelhecimento acontece quando temos uma exposição ao sol prolongada, o que deixa nossa pele enrugada, sem elasticidade e com manchas de sol. Além disso, um em cada quatro cânceres diagnosticados no Brasil é câncer de pele. Terrível, né??

Mas escolher o protetor ideal para nosso tipo de pele é quase uma ciência, né? Existem muitos pontos para levar em consideração na hora de tomar uma decisão! E é exatamente nessa hora que muitas de nós caem em um erro básico: comprar apenas um produto e esperar que ele faça milagres em qualquer ocasião. Nossa pele não é estável, muito pelo contrário! Ela está sujeita à muitas variáveis. Tem dias que está mais oleosa, seca, avermelhada, sensível..
Na hora de escolher qualquer produto para o rosto é essencial observar o estado atual da sua pele. Não adianta passar um filtro super sequinho se você viajou para um lugar frio e com clima seco. Sua pele vai literalmente rachar se você não usar produtos mais oleosos, que hidratem! Por isso a máxima na hora de aplicar qualquer dermocosmético é observar sua pele e se conhecer.

Mas relaxa! Vamos dar várias dicas para você não ter dúvidas na hora da escolha do principal produto que vai salvar sua pele 😉

Qual o fator de proteção ideal?

O Fator de proteção deve variar de acordo com o fototipo da pessoa! Quanto menor o fototipo cutâneo, ou seja, menor melanina, maiores devem ser os cuidados com o sol, já que a pele é mais sensível ao dano provocado pela radiação ultra-violeta. De uma forma geral o FPS do rosto deve ser a partir de FPS 30, por ser uma área mais fotoexposta e mais sensível. Claro que quanto mais proteção, melhor! E lembre-se: a gente nunca sabe se passou a quantidade ideal do protetor no rosto. Temos que tentar aplicar mais ou menos uma colher de chá do produto. Mas como muitas vezes não conseguimos passar essa quantidade, o mais indicado é escolher um filtro que proteja bem! Assim quando você for aplicar um protetor com FPS 50, pode ser que efetivamente ele proteja 30.

Pensando nisso, anotamos quatro itens que você não pode esquecer na hora de escolher um protetor. Olha só:

– Sempre verifique se o produto possui proteção UVA e UVB!
– É essencial saber o seu tipo de pele e conferir ele com seu novo protetor. O importante é acertar para não obstruir seus poros!
– Certifique-se se você pode usar todos os componentes! Existem protetores solares próprios para peles sensíveis. Cuidado com alergias, ein!

Protetor solar para pele oleosa… Existe?

SIMMMM!!! Você, menina linda que sofre de oleosidade na pele e pensa que não pode passar nada no rosto: pode parar com isso! Sabemos que as peles oleosas são as que mais sofrem na busca de cosméticos no geral, e no caso de protetor solar, não é diferente. Mas nem tudo está perdido! É só procurar pelos produtos certos 😉 As melhores opções para quem tem oleosidade na pele são as versões em gel, sérum, mousse e loções fluidas livres de óleo.
Para te ajudar separamos alguns filtros maravilhosos para quem tem pele oleosa, oh:

Minesol Oil Control
Esse protetor da Roc é o queridinho de muitas leitoras! Foi o primeiro protetor solar facial a entregar o benefício do controle de oleosidade. Ele tem uma textura bem líquida e seca na pele logo depois da aplicação. Zero sensação melada no rosto! Ele é super fácil de espalhar e não deixa áreas esbranquiçadas. Esse filtro fica bem sequinho na pele, segurando a oleosidade por várias horas.

Anthelios Airlicium
Esse protetor solar da La Roche-Posay tem alta proteção solar para as peles sensíveis, com acne e oleosas. Um filtro altamente eficaz contra os raios solares UVA e UVB. Possui micropartículas matificadoras encapsuladas com 99% de ar, assim, não pesa sobre a pele, oferecendo um controle perfeito do brilho toda vez que a pele produz oleosidade ou umidade.

Normalize Matte
Esse filtro da Ada Tina possui amplo espectro UVA e UVB, com efeito matificante progressivo! Ele é indicado para peles oleosas e com tendência a acne. A textura é super suave, excelente para usar no dia a dia em qualquer estação do ano. Um produtinha muito prático, excelente pra você deixar na bolsa e retocar ao longo do dia para manter a pele super sequinha sem obstruir os poros.

Protetor solar com base funciona?

Sabemos que as maquiagens com filtro são ótimas opções para o uso diário. Mas não substituem o protetor solar!!! As maquiagens possuem um espectro de proteção solar bem baixo, normalmente em torno de FPS25 e uma cobertura muito fina. Para você que se maquia todo o dia, o protetor solar com base pode ser uma opção mega promissora! Na maioria das vezes os protetores com base oferecem uma cobertura, textura e proteção solar maior que as bases com filtro solar.

Um filtro com base que costuma agradar muito é o Capital Soleil da VICHY. Ele tem proteção solar contra os raios UVA, UVB e UVA longo, além de ter toque seco e cor. Além disso, ele também foi feito para uniformizar o tom de pele imediatamente e atenuar áreas escurecidas! Possui uma textura única de efeito matificante e toque aveludado após a aplicação, graças a micro partículas absorventes, garantindo um toque seco duradouro até mesmo na pele oleosa.

#FicaADica: se você optar pelo uso de maquiagem + filtro solar é fundamental esperar 5 minutos para o seu protetor secar totalmente antes de você aplicar sua make. Caso não espere esse tempo corre o risco da maquiagem ficar toda craquelada e com um aspecto meio esquisito. Outra coisa legal de saber é que a maquiagem tem o benefício adicional de fazer uma barreira que reflete a luz visível. Então não tenha medo de aplicar esses dois produtos, eles super se dão bem 😉

2 Comentários